As nossas defesas vão abaixo quando estamos tensos e, em situações de stress, o organismo produz cortisol, uma hormona que “anestesia” o sistema imunitário.
Algumas plantas, como a tília, têm efeito sedativo, tanto por via interna, como externa, acrescentada em infusão à água do banho. Sugerimos a erva-cidreira, tranquilizante ao deitar, e as flores de lavanda, para acalmar os nervos. A alga klamath, por outro lado, devolve a alegria, tomada em comprimidos.

Para o frio, existem nesta época inúmeras plantas, tais como o tomilho e o eucalipto, eficazes contra a tosse. A equinácia e o sabugueiro favorecem as defesas, e o anis verde protege as vias respiratórias.
Para a garganta, são indicados a salva, os orégãos e ainda o própolis, um composto resinoso que se toma em gotas, xarope ou rebuçados, atuando como um
antibiótico natural, contra as infeções respiratórias, protetor da mucosa gástrica e desodorante oral.

Artigos Relacionados